fbpx

CONTROLE DE VENDAS: FAÇA EM SUA EMPRESA EM 5 PASSOS

Você já se deu conta do que é um controle de vendas? Pois bem, se você não sabe bem o que é isso, muito menos saberá como fazê-lo, não é mesmo? Mas, antes de entrar no assunto como um todo, quero narrar uma experiência para você. Acompanhe-me!

Semana passada, eu fui ao mercado, pois precisava, urgentemente, comprar café. Bom, isso é uma atividade corriqueira na vida de qualquer pessoa, não é mesmo? Na correria do dia-a-dia, quando você menos espera, precisa comprar alguma coisa com um certo grau de urgência.

Mas, calma, não é disso que eu quero falar com você. Acontece que, quando cheguei ao caixa, enquanto a mulher esperava que eu passasse meu cartão, ela registrava em um caderno o valor da compra, a data e o produto vendido. (Eu dei uma leve espiadinha. rsrs).

Eu fiquei impactadíssima com aquilo. A vontade era de falar:

Moça, você já ouviu falar de alguma ferramenta que pode fazer isso para você, de forma mais segura e automática?

Mas me contive, acreditando que aquele não era o momento certo. Mas este aqui certamente o é.

Depois que saí de lá, eu fiquei por um tempo imaginando quantas e quantas empresas, com altíssimo potencial, estão vivendo por aí como se ainda estivesse em meados do século passado.

E esta comparação não é exagero de minha parte. Se você olhar um pouco ao seu redor, terá a prova do que estou falando. Mas o fato que me preocupa é: Como você tem encarado o controle de venda de sua empresa?

Falar dos outros é fácil, não é mesmo? E, como eu – cliente daquele lugar -, fiquei um tanto quanto frustrada com o estabelecimento. Fiquei pensando:

O que você acha que seus clientes pensam quando saem da sua empresa?

Se você não sabe como responder, e este também é um assunto que o preocupa, continue lendo este artigo.

O QUE É O CONTROLE DE VENDAS?

Mas, afinal, o que é o controle de vendas? Talvez você esteja aí se perguntando e já fazendo algumas especulações.

Embora o conceito seja bem simples, os impactos deste controle são imensos. Mas, vamos por partes.

Muito mais do que ter controle sobre o produto vendido, a data e o valor, o controle de vendas faz com que você tenha consciência das vendas efetivadas, perdidas e previstas. Ou seja, com um bom controle de vendas, você poderá ter acesso a aspectos relacionados ao:

    • estoque;
    • precificação;
    • negociação;
    • demais necessidades exigidas pela sua empresa.

Viu só? Controle de vendas não é uma tabelinha simples com o registro de algumas atividades executadas em sua empresa. E, por não se limitar a isso, este controle ajuda na:

    • identificação de erros;
    • tomadas de decisões;
    • estratégias a serem elaboradas.

Realmente isso não é pouca coisa, não é mesmo? E se você tem tido algumas decepções em sua empresa, se tem sentido dificuldade para controlar algumas áreas e setores, certamente é hora de voltar o seu olhar para o seu controle de vendas.

Nem sempre a sua dificuldade com as vendas se resume a estratégias estabelecidas. Isso conta muito? Sim, não tenha dúvidas. Mas, pode ser que, por causa de um mau controle, você esteja direcionando sua atenção para o lugar errado e, assim, prejudicando até mesmo as estratégias definidas.

Afinal, qual indicador você usa para definir o seu atendimento ao cliente, para treinar os seus funcionários, para melhorar o grau de satisfação de seu público-alvo, ou até mesmo para definir as tão necessárias estratégias?

Já parou para pensar nisso? E já pensou também que, se esses indicadores estiverem errados, todo o resto vai por água a baixo?

Se ainda não pensou, é hora de pensar e se convencer de que ter um bom controle de vendas é a melhor opção para o seu negócio.

3 VANTAGENS DE UM CONTROLE DE VENDAS BEM FEITO

controle de vendas

Agora que você já sabe o que é um controle de vendas e qual a sua importância para uma empresa, que tal adentrarmos um pouco mais nas vantagens que essa prática pode favorecer e possibilitar?

Então, vamos lá. Continue lendo.

1. Mais oportunidade de vendas

Como assim mais oportunidade de vendas? É isso mesmo que você leu. E sabe por quê? Porque, com um bom controle de vendas, você consegue ter acesso às necessidades e prioridades de seus clientes e, assim, alinhá-las às demandas de sua empresa.

De nada adianta ter um alto movimento em seu estabelecimento se você não consegue fazer com que essas pessoas comprem de você. E, geralmente, isso acontece muitas vezes porque, ou o preço é inadequado, ou não tem ali o que a pessoa precisa.

E como resolver isso? Com um bom controle de vendas que lhe proporcionará, consequentemente, uma gestão de compras eficiente.

2. Facilita as tomadas de decisão

    • Como você acha que saberá o que fazer se não tem informações suficientes para analisar? Qual melhor hora para repor estoque?
    • Qual momento certo para ligar para aquele cliente?
    • Quando devo visitar aquele outro cliente?

Claro que isso depende muito do seu modelo de negócio, mas, independentemente de como é a sua atuação, você só conseguirá tomar boas decisões se, para isso, tiver boas informações sobre o seu cliente.

E nós bem sabemos que saber o que ele compra e como compra já é uma mão na roda, não é mesmo? E, no final das contas, você une o útil ao agradável. Até porque não são as vendas sua maior fonte de receita?

3. Atendimento personalizado

Independente do seu segmento e do seu modelo de negócio, sempre dá para oferecer um atendimento personalizado e nós bem sabemos que isso faz toda a diferença, não é mesmo? Afinal, esse é um dos fatores que contribuem para que ele se sinta importante e acolhido pela sua empresa e deseje voltar.

Se você conseguir identificar o perfil do seu cliente, conseguirá se organizar para oferecer um desconto a mais ou a menos (se for o caso), aumentar o prazo ou diminuí-lo, oferecer premiações…, enfim, uma infinidade de possibilidades que só você poderá estruturar desde que se tenha um bom controle de vendas.

COMO FAZER UM BOM CONTROLE DE VENDAS EM 5 PASSOS?

Como você já percebeu, ter um bom controle de vendas pode ajudar, em muitos pontos, a sua empresa. Mas, afinal, como fazer este controle? Vamos ver?

1. Tenha metas definidas

controle de vendas

As metas são importantes para qualquer ação dentro de sua empresa, principalmente quando o assunto é vendas. Portanto, saiba defini-las e, mais que isso, saiba transmiti-las aos seus funcionários.

Especifique o que cada um deve fazer, como fazer, quando fazer, o número de vendas mensal e as recompensas em atingi-las. Este processo é importante para facilitar a organização dentro da empresa.

Saiba ouvir e inspirar o melhor de cada um. Tenha tudo anotado e mensurado para que o controle de vendas possa ser analisado com as metas batidas no final de cada mês.

2. Tenha indicadores definidos para a mensuração

Você só saberá se as coisas estão dando certo ou não, se as mensura. Mas, mais que mensurar, deve identificar quais os dados lhe possibilitarão melhores análises, isto é, o que vale a pena mensurar.

Portanto, recomendamos que você tenha sempre à sua vista:

a) o desempenho dos vendedores;

b) o número de vendas realizadas diariamente;

c) o número de clientes novos;

d) os produtos com maior saída/ maior margem de lucro;

e) as metas a serem atingidas;

f) a evolução das vendas por períodos pré-estabelecidos pela empresa;

3. Tenha disciplina

A partir do momento em que você começar a traçar estratégias baseadas em dados reais e fieis à realidade de sua empresa, você notará uma mudança positiva em seu número de vendas.

Mas, não deixe que isso gere em você uma acomodação. Tenha sempre em mente a necessidade de investir energias e pensar em novas estratégias. É exatamente isso que o diferenciará de seus concorrentes e o colocará à frente de cada um deles.

4. Mantenha seu estoque controlado

Quando eu disse que o controle de vendas está ligado a tudo em sua empresa, eu estava falando sério. E é por isso que, para ser bem-sucedido nesta prática, você precisará estar sempre de olho em seu estoque.

E, para ter um bom controle de estoque, suas vendas precisarão estar bem controladas.Isso porque, com o controle de vendas, você evita desperdícios, excessos e faltas em seu estoque. Além disso, com um bom controle de estoque, você evita perder vendas.

5. Automatize seus processos de venda

Por fim, para que você não fique refém dos caderninhos que, no final das contas, mais atrapalham do que ajudam, automatize os seus processos de vendas.

A automação de processos contribui na:

    • redução de custos;
    • segurança;
    • variabilidade das informações oferecidas;
    • maior acessibilidade;

Com o auxílio de um bom sistema de gestão empresarial, você conseguirá ter acesso a um maior número de informações necessárias para executar o controle de vendas, além de poder conciliá-las com outras áreas da empresa.

Isso porque o sistema possibilita a integração de setores, tornando a gestão mais ágil, segura e eficiente e, consequentemente, contribui diretamente nas tomadas de decisões e estratégias a serem colocadas em prática.

Além disso, com o auxílio dessa ferramenta de gestão, você poderá fazer o controle e forma automática, sem precisar parar para anotar ou registrar, evitando constrangimentos, erros e más impressões em seus clientes.

Já pensou em ter um controle de vendas eficiente e infalível? Então, veja como um sistema de gestão empresarial pode ser útil nesta prática tão indispensável para a saúde de sua empresa.

Espero que você esteja convencido de que não dá para gerir de qualquer forma. É preciso compromisso, responsabilidade e boas ferramentas de gestão.

Share

Somos uma empresa de desenvolvimento de software que teve o seu ponto de partida em 2013, abraçando o desafio de desenvolver um sistema flexível e adaptável. Hoje, com escritórios em Maceió e Ji-Paraná, nosso lema é a inovação e o que nos motiva é criar ferramentas gerenciais que impulsionem o negócio dos nossos clientes.

WhatsApp chat